segunda-feira , 22 abril 2019
Home / Destaque / Vigilância em Saúde realiza fiscalização em salões de beleza

Vigilância em Saúde realiza fiscalização em salões de beleza

O objetivo do trabalho é cumprir as leis e normas sanitárias que dispõe sobre as condições para instalação e funcionamento dos estabelecimentos de salão de beleza, barbearia e/ou depilação no estado do Paraná (resolução Sesa/Pr nº 700/2013).

De acordo com a Vigilância, são feitas as seguintes verificações durante a fiscalização: condições da estrutura física dos estabelecimentos; condições de higiene; condições de saúde dos funcionários (vacinação contra hepatite, tuberculose, outras) = prevenção para que os funcionários não peguem e não transmitam enfermidades aos clientes; verificação e orientação do cumprimento do uso obrigatório de “autoclave” na esterilização dos materiais (alicates, afastadores de cutícula, outros). A Vigilância acrescenta ainda que é proibido o uso de “estufas”.

Outra orientação importante estabelecimentos que não queiram ou não possam comprar a autoclave que usem os materiais de suas clientes (os materiais das clientes não podem ficar no salão).

Por mais que pareçam inofensivos, alguns procedimentos até há algum tempo comuns nos salões podem ser bastante prejudiciais à saúde e até acarretar em problemas graves ou fatais. É o caso, por exemplo, da falta de esterilização ou do procedimento mal feito em alicates de unha, que podem transmitir doenças como dermatoses, micoses, hepatite e Aids.

Foi justamente para proteger a saúde dos clientes que a Anvisa proibiu o uso da estufa, determinando o autoclave em seu lugar, considerado muito mais eficiente.

SERVIÇO

Outros esclarecimentos, orientações e denúncias sobre salões clandestinos, procure a Vigilância em Saúde, localizada na Rua Zacarias de Vasconcelos, 313. Telefone 3133-0329.

Veja Também

Homem ameaça atear fogo no carro da ex

AMEAÇA (CONSUMADO) Local: RENE TACCOLA, CENTRO, MANDAGUARIA SOLICITANTE COMPARECEU AO PELOTÃO PM INFORMANDO QUE ESTAVA ...