terça-feira , 25 junho 2019
Home / Destaque / O futuro do trabalho não será guiado pela escolha de uma carreira, mas de várias delas

O futuro do trabalho não será guiado pela escolha de uma carreira, mas de várias delas

O antigo roteiro pré-definido para a maioria das carreiras, onde escolhemos uma área de atuação, fazemos faculdade, estágio, entramos em uma empresa e crescemos até ocupar o cargo mais alto da hierarquia, em um futuro próximo, estará ultrapassado. Hoje, vivemos cada vez mais o contexto de multicarreiras, ou seja, a possibilidade de um profissional desenvolver mais de uma profissão dentro de sua área de atuação ou mesmo diversificando os mercados.

O antigo roteiro pré-definido para a maioria das carreiras, onde escolhemos uma área de atuação, fazemos faculdade, estágio, entramos em uma empresa e crescemos até ocupar o cargo mais alto da hierarquia, em um futuro próximo, estará ultrapassado. Hoje, vivemos cada vez mais o contexto de multicarreiras, ou seja, a possibilidade de um profissional desenvolver mais de uma profissão dentro de sua área de atuação ou mesmo diversificando os mercados.

O conceito de multicarreira, embora não seja novo, surge dentro de um cenário onde profissionais baseiam suas profissões em suas habilidades e características pessoais, e não necessariamente fundamentado em suas áreas de estudo ou conhecimento técnico. A ideia é construir e desenvolver a vida profissional com alternativas adjacentes àquela que é, ou ao menos foi acostumada a ser vista como, a função principal.  O fato é que impulsionado pelo avanço da tecnologia, pelas rápidas transformações no mundo e também pelo aumento da expectativa de vida e longevidade, o profissional do futuro vai construir a carreira de uma maneira completamente diferente da que fomos acostumados a ver décadas atrás.

Em certo nível, isso já acontece. É possível observarmos alguns profissionais explorando suas multipotencialidades e encontrando novas ramificações para sua atuação. Um bom exemplo são os professores universitários, que na maioria dos casos constroem a carreira acadêmica e atuam em paralelo no mercado corporativo. Mas, apesar dessa mudança já ser percebida, temos alguns indícios de que essa tendência vai se cristalizar no futuro e aterrissar em todas as profissões, exigindo que todos nós exploremos nossas diversas potencialidade e, porque não, multicarreiras.

Para aqueles que desejam sair da caixinha, romper com a carreira linear e aproveitar as oportunidades de terem mais de uma profissão, o mais importante é descontruir o mindset industrial, que tem começo, meio e fim ou ainda quebrar o modelo de carreira tradicional ao qual fomos apresentados. O conceito de multicarreira abraça as habilidades e skills adquiridas ao longo de toda a vida. É um novo paradigma onde as habilidades técnicas e comportamentais, características de personalidade e mesmo as experiências, são percebidas como potencialidades para a vida profissional. Muitas vezes, as combinações mais inusitadas podem levar a pessoa para áreas diversas e absolutamente fora da sua linha tradicional de atuação.

A maneira mais simples de descobrir suas multipotencialidades é perceber de que forma as habilidades que você tem na sua carreira formal estão sendo demandas em outros mercados.

 

Como tudo que envolve carreira, essa observação exige uma estratégia e um planejamento feito com base na pergunta: o que eu desejo para minha vida profissional? Se no modelo tradicional a resposta seria chegar à um cargo executivo, nesse novo contexto, a resposta pode estar ligada a projetos que você tem vontade de realizar, áreas que despertam curiosidade e entusiasmos, cargos que desafiam sua superação, entre outros exemplos.

Investir no desenvolvimento de soft skills é algo personalizado e que não deve ser feito apenas por pressão externa. É claro que o profissional pode levar em consideração as demandas mais latentes do mercado, mas o mais importante é investir em potencialidades internas e em desenvolver skills ligadas ao que ele deseja como sendo o próximo passo da carreira. Por exemplo, em Tecnologia da Informação existe uma demanda latente por profissionais que tenham conhecimento técnico e habilidade de liderança, mas só vale apena investir em desenvolver essa habilidade se a pessoa deseja tornar-se líder.

Existe um questionamento de se os ambientes formais de trabalho são o suficiente para adquirir bagagem e conhecimentos diversos para a construção da multicarreira. Na minha opinião, todas as experiências adquiridas são válidas para desenvolver as multipotencialidades dos profissionais. Mas, sem dúvida, os ambientes de trabalho são um dos locais mais poderosos para se desenvolver profissionalmente.

Da mesma forma que um consultor financeiro nos incentiva a diversificar a nossa carteira de investimentos, o profissional de recrutamento diria que o futuro será daqueles que conseguirem diversificar seu leque de habilidades e possibilidades, pois isso fará com que os profissionais potencializem sua empregabilidade no futuro. O autoconhecimento e a fuga da zona de conforto, nesse sentido, serão imprescindíveis, pois ao experimentar novas oportunidades as pessoas saberão cada vez mais o que as preenche e como se manterem em constante desenvolvimento e crescimento.

A tecnologia é uma área que poderá explorar esse conceito de multicarreira de maneira muito ampla uma vez que no futuro, ela estará inserida e em evidência em absolutamente todas as esferas sociais e de trabalho. Mas, independentemente da sua área de atuação, ou da disposição para construir multicarreiras, uma habilidade indispensável para os dias de hoje é a resiliência atrelada a adaptação de mudanças. Outra habilidade que será muito demandada no futuro será a inteligência emocional, tal skill será fundamental para enfrentar cenários incertos de problemas que ainda não sabemos que existirão.

Paulo Exel é diretor de operação da Yoctoo, formado em Administração de Empresas, possui MBA executivo em Gestão de Negócios e tem certificação em coaching. Exel tem mais de 10 anos de experiência no recrutamento especializado nas áreas de Tecnologia, Digital e Vendas.

Veja Também

Feira do Produtor oferece produtos de qualidade diariamente

Todos os dias cerca de 15 famílias armam suas barracas para oferecer produtos frescos e ...