quinta-feira , 20 fevereiro 2020
Home / Destaque / Mandaguari adere ao Programa Banco da Mulher Paranaense

Mandaguari adere ao Programa Banco da Mulher Paranaense

O município de Mandaguari aderiu ao Programa Banco da Mulher Paranaense, lançado em setembro pelo governador Ratinho Junior, para  estimular o empreendedorismo feminino no estado. O programa será gerenciado pela Fomento Paraná e terá financiamentos com taxas de juros mais baixas para apoiar pequenos negócios que tenham a participação de mulheres como proprietárias ou sócias.

O objetivo é estimular o empreendedorismo feminino e promover a geração de emprego, renda e qualidade de vida. A principal característica do novo programa é a possibilidade de que esse tipo de empreendimento obtenha um subsídio de 7 pontos percentuais ao ano na taxa de juros, o qual estará refletido como desconto no pagamento dos boletos em dia. Ou seja, os boletos pagos em atraso não terão benefício.

O crédito poderá ser acessado por empreendimentos da indústria, do comércio ou de serviços que tenham participação da mulher como proprietária ou sócia. Serão basicamente dois tipos de financiamento:

• Linhas de Microcrédito, em valores de R$ 1 mil a R$ 20 mil, que podem ser acessadas por Microempreendedoras Individuais (MEI), microempresas e também empreendimentos informais ou profissionais autônomas, com faturamento anual de até R$ 360 mil. O prazo para pagar é o melhor do mercado, até 36 meses, incluindo três meses de carência.

• Linhas para Micro e Pequenas Empresas, em valores entre R$ 20 mil e R$ 500 mil, para empreendimentos em solo paranaense e com faturamento anual de até R$ 4,8 milhões. Prazo de até 60 meses para pagar, incluindo no prazo uma carência de 3 a 12 meses.

Para que isso fosse possível, foi necessária uma atualização da legislação, por meio de projetos de lei apreciados pela Assembleia Legislativa e sancionados pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior, principal patrocinador do projeto do Banco da Mulher Paranaense.

O Município de Mandaguari, através da Agente de Crédito,  já realizou a primeira proposta do programa com a concessão do crédito a empreendedora Elen Vilanova da Silva com a liberação do recurso já na primeira quinzena de outubro.

Veja Também

Juiz reconhece direito de Batistão falar por último em Comissão Processante

O juiz Leandro Albuquerque Muchiuti, da Vara da Fazenda Pública da Mandaguari reconheceu o pedido ...